Eventos

2023-08-19

Paróquia preferiu fazer festas de Estremoz no parque de feiras. «Não vem mal ao Mundo»

A garantia foi dada pelo presidente da Câmara, José Daniel Sádio, e tem por base a  experiência da edição do ano passado. A paróquia confirmou a vantagem - em vários níveis - das Festas da Exaltação da Santa Cruz se transferirem do Rossio Marquês do Pombal para o Parque de Feiras de Estremoz. Decorrem de 1 a 3 de Setembro
 
TEXTO l Roberto Dores 

   O autarca recordou como há um ano as obras no Rossio impediram as festas de Estremoz de se realizarem no centro da cidade, sendo transferidas para o parque de Feiras, mas a organização - a cargo da Paróquia - atestou o sucesso da experiência.

   «Atrevo-me a dizer que não me recordo de termos as multidões que tivemos no parque de feiras. Foi o que disseram os que fazem acontecer a feira», sublinhou o autarca, recordando que a autarquia apoia com orçamento - na ordem dos 60 mil euros - mas é a paróquia «que trabalha e dá vida às festas».

Presidente da Câmara, José Daniel Sádio, abordou a opção pelo parque de feiras para a realização das Festas da Cidade à margem da inauguração da exposição «Os Bombeiros aos Olhos dos Barristas de Estremoz»,  no Posto de Turismo.
   
   Acrescentou José Daniel Sádio que, ao questionar a organização sobre o local onde preferia fazer o certame, teve como resposta o parque de feiras. Além dos melhores resultados face ao Rossio, a paróquia revelou ser mais fácil trabalhar naquele espaço, considerando os equipamentos habilitados a este género de eventos.

   «Foi nesse sentido que acedemos tranquilamente, como faríamos se a vontade fosse fazer a festa no Rossio», enfatizou, relembrando que para as festas acontecerem «também tem que haver quem diariamente trabalhe generosamente e de forma graciosa. Importa reconhecer e ouvir as pessoas. Quando elas nos dizem que preferem fazer no parque de feiras, não vem nenhum mal ao Mundo», insistiu o autarca, assegurando que a «dignidade lá em cima será a mesma que teria cá em baixo».

Artigos Relacionados

« Voltar