Notícias

2023-12-11

Arrancou nabo com mais de 2 quilos. Diz que foi bem regado

 
O autor da proeza é Manuel Clareu, que exibe orgulhoso o raro exemplar arrancado da terra à força do balde do tractor. O fenómeno aconteceu no Monte Abaixo. Um lugar ali quase a meio caminho entre Terena e Ferreira de Capelins, no concelho do Alandroal

TEXTO | Roberto Dores
 
   Vamos lá pesar bem o nabo de que se fala. Afinal, são dois quilos e cem gramas. «Às vezes acontece saírem assim. Tenho lá outros grandes», diz-nos, mas adianta não têm o peso deste, que está em exposição no café «O Fragas», na estrada que atravessa Terena.

 
 Explica Manuel Clareu que nabos com «quilo e quilo e meio» já são considerados «uns belos nabos», habilitados a garantir uma «rica sopa», atesta o agricultor, sublinhando que o ditado popular que puxa pela «chuva no nabal» é mesmo determinante para o crescimento deste legume.

   «É importante ter a terra bem amanhada. Lavrar, levar estrume e ser cultivada», diz, revelando que os nabos que hoje estão prontos a ir à mesa foram semeados em Setembro. «Depois precisam de muita água para crescerem bem. Uns ficam grandes e outros mais pequenos». 

Artigos Relacionados

« Voltar