Notícias

2024-03-07

Alentejo lidera educação formal com 13,9% de participação

Os valores são revelados à boleia do inquérito realizado ao estado da Educação Formal de Adultos: 37,2% da população alentejana, entre 18 e os 69 anos, participou em actividades de Aprendizagem ao Longo da Vida ao nível da designada "educação não formal", enquanto 13,9% participou na chamada "educação formal"
 
   Os dados do inquérito que se se reportam aos 12 meses de 2022, publicados pelo Instituto Nacional de Estatística (INE), destacam mesmo o Alentejo na vertente da "educação formal", onde 13,9% dos participantes traduzem valores acima da média nacional, que está fixada nos 12, 6 pontos percentuais.

   Já no que diz respeito à educação não formal, a região situa-se ligeiramente abaixo dos valores medianos do país, que atingem 39,4%, significando que o Alentejo está 2,2 pontos percentuais abaixo do registo nacional.
 
   Ainda assim, em 2022, a proporção da população residente em Portugal dos 18 aos 69 anos que participou, nos últimos 12 meses, em pelo menos uma actividade de educação formal, educação não formal ou de aprendizagem informal diminuiu 12,9% em relação a 2016.

   A Aprendizagem ao Longo da Vida, que nos resultados apresentados engloba a participação em actividades de educação formal ou não formal, nos últimos 12 meses, abrangeu 45,6% da população dos 18 aos 69 anos residente em Portugal em 2022, sendo, sobretudo, a população mais jovem e a mais escolarizada as que apresentam taxas de participação em educação e formação mais elevadas. Em relação a 2016, aquela taxa diminuiu 1,4%, segundo o INE.

Artigos Relacionados

« Voltar