Notícias

2023-08-22

Banca da Rita já é atracção em Montejuntos. Fica a caminho da praia às segundas-feiras

Eis um curioso impacto económico da praia das Azenhas d´El Rei na localidade de Montejuntos (a cerca de 3 quilómetros da zona balnear). Perante a maior afluência de turistas, Ana Rita Rosado aceitou o desafio de instalar a sua banca em plena rua, ocupando parte do passeio junto ao café Alvalade XXI. Às segundas-feiras há fruta, legumes, hortaliças, queijos, azeites, feijão e... boa disposição. O sucesso foi imediato
 
TEXTO l Roberto Dores

   «Era para ser uma coisa pequenina e tornou-se muito grande», comenta Ana Rita, enquanto se compromete com uma cliente em levar a melancia à «cunhada Mariana». E lá continua a atender quem vai chegando. Sai mais uma melancia para cima da balança. «Está a ser muito bom. Isto ganhou uma nova dinâmica com a praia. O mercado que as pessoas têm mais próximo é Reguengos de Monsaraz. Isto aqui dá muito jeito a quem está nos turismos rurais da região, diz.

   Ana Rita tem forte ligação à terra. Cresceu em Montejuntos, mas aos 13 anos fixou-se no Alandroal. O pai chama-se Joaquim, mas pede-nos que o tratemos por «Caixote», justificando que é assim que todos o conhecem. Pis seja. Está a ajudar Ana Rita na venda, tal como a irmã Sara Coelho, num momento da manhã em que o serviço aperta mais. 

   Um grupo de clientes do Barreiro que está de férias por aqui quase cerca a banca e elogia a aposta de Ana Rita. «Os produtos são todos tão frescos, até dá gosto. Isto aqui é uma surpresa muito agradável» dizem, perante o agradecimento da jovem comerciante. 

   «Tem sido sempre assim. As pessoas gostam muito de me ver aqui e isto tem ajudado muito o meu negócio», revela, recordando como há uma semana teve de se ausentar deixando a banca entregue ao pai. «Fez uma boa facturação logo cedo, porque as pessoas vão a caminho da praia e param aqui para comprar fruta. É curioso que até já temos clientes fixos», acrescenta.

   Ana Rita não tem produção própria, mas trabalha com os agricultores da região, além de se abastecer em Lisboa com alguns frutos do Oeste. Porém, o azeite merece uma atenção especial. «É o melhor do mundo», diz erguendo o garrafão de cinco litros da Torre de Menagem. Ainda assim, para bolsas apertadas tem ao lado a alternativa a um preço mais acessível. 

   E só vem mesmo à segunda-feira? «Sim, é só às segundas», confirma, revelando ter outras paragens de venda na região. Às quartas e sábados em Vila Viçosa, às sextas de manhã em Reguengos e à tarde no Vimieiro. «Depois ainda vendo pelas redes sociais e também por grosso para as mercearias», anuncia. 

   Já agora, se algum cliente de Montejuntos precisar de alguma coisa durante a semana basta contactar a irmã de Ana Rita que a encomenda vai lá ter a casa.
 
 
 

Artigos Relacionados

« Voltar