Notícias

2023-11-24

Ministra jogou à macaca no Alandroal e garantiu que terminal ferroviário vai em frente

Venha quem vier. A crise governativa não deverá perturbar o terminal de cargas e descargas que está projectado para o concelho do Alandroal, em sede do troço da futura linha ferroviária Sines/Caia (Elvas)

   A garantia foi deixada esta sexta-feira pela ministra da Coesão Territorial numa visita ao Alandroal, onde Ana Abrunhosa não resistiu a jogar à macaca quando visitou o futuro pátio de renovada escola.Recorde-se que o primeiro-ministro, António Costa, manifestou o apoio do Governo à construção do terminal - em Junho - mas a demissão do Executivo e o novo acto eleitoral que se avizinha não deverão ter implicações nesta obra há vários anos reclamada pelos autarcas da região.

   «Do conhecimento que tenho as coisas estão a andar. Não há nada inquinado, seja qual for o Governo», sublinhou Ana  Abrunhosa, deixando claro que «os projectos estruturantes não estão em gestão. Os projectos com fundos comunitários não entram em gestão. O Portugal 2030 e o PRR não entram em gestão», reiterou, sublinhado a plenitude de funções. «Só o Governo é que entra em gestão, a administração tem que continuar em plenitude de funções», sustentou a governante.

   Ana Abrunhosa visitou o castelo de Terena, onde ficou a conhecer a maquete do museu que continua à espera de financiamento, seguindo depois para o Alandroal, com passagem pelo edifício da biblioteca que continua por acabar, seguindo-se uma visita ao fim das obras na escola.
 

Artigos Relacionados

« Voltar